PAIM FILHO/RS, 30/04/2017  
Comentários

A raça Indubrasil é mais um exemplo de que o zebu pode agregar e muito em produtividade. Uma raça extremamente dócil, precoce e rústica. Fêmeas de excelente habilidade maternal com excepcional produção de leite. Machos férteis, resistentes e precoces sexualmente e em ganho de peso. Além de todas estas características funcionais, o Indubrasil ainda é uma raça que se destaca por sua beleza ímpar e peculiar. O Sítio Tio Fiorindo apesar de uma história recente está fazendo um trabalho muito bem conduzido na seleção do Indubrasil, mesmo ainda em formação do plantel. No entanto, sabemos que para um grande projeto, bases bem sustentadas são fundamentais e é isso que vejo nos critérios adotados pelo meu amigo Elair Bachi na escolha dos reprodutores que são utilizados na inseminação artificial. Para mim, é uma alegria muito grande poder contar com um novo e entusiasmado criador de Indubrasil no Rio Grande do Sul, tenho certeza que poderemos fazer um belo trabalho de fomento e desenvolvimento da raça em nosso estado, que muito tem a contribuir com suas qualidades, seja no cruzamento com raças européias para produtos meio sangue para o abate, seja com fêmeas leiteiras, inclusive para formar o Indolando com o Holandês, uma nova raça que recentemente recebeu a liberação do MAPA para o início do registro genealógico na Associação Brasileira dos Criadores de Zebu. É o Indubrasil, o zebuíno de essência indiana, mas formado no Brasil avançando agora, pelos campos do Rio Grande.
Desejo muito sucesso ao Sítio Tio Fiorindo, me colocando sempre à disposição para colaborar no que for possível.

Nathã Silva de Carvalho
Estudante de Zootecnia

Voltar

Contador de visitas